Nossos Projetos

“Encontro Indígena” 

No Museu de Pré-história Casa Dom Aquino é um evento que traz representantes de diferentes etnias, como: Kuikuro (Xingu), Karajá (São Félix do Araguaia), Xavante (Campinápolis), Pareci, Bakairi e Umutina, reunindo mais de 150 alunos do ensino fundamental e médio por período. Esta ação ocorreu em 2008 e 2009, com mesas redondas e atividades como pintura corporal, danças e brincadeiras indígenas, dessa forma promovendo, uma interação entre as diferentes etnias e os alunos do ensino fundamental e médio de Cuiabá.  

 

“Semana de Museus” 

Ocorreu também no ano de 2008 e 2009, neste evento as atividades socioculturais  envolvem o público em geral, propiciando mais consciência do valor do Museu, através das visitas guiadas e atividades culturais e de entretenimento como fantoches entre os setores da exposição, confecções de pipas, oficina de cerâmica e palestras que visam principalmente atender os estudantes.

 

“Dia do Meio Ambiente”

É um evento que visa a conscientização, especialmente de alunos do ensino fundamental e médio, acerca da preservação do rio Cuiabá. Através de atividades de plantio de mudas nativas do viveiro de museu e na margem do rio Cuiabá, próxima ao museu. Com esta gestão pretendemos ampliar este evento, possibilitando parcerias com empresas de consciência ambiental e uma divulgação maior no âmbito midiático da Secretaria de Estado de Cultura.

 

“Primavera dos Museus”

Acontece desde 2007, no Museu de Pré-História Casa Dom Aquino este evento é promovido pelo IBRAM (Instituto Brasileiro dos Museus) e o IPHAN – DEMU. Neste evento além de alunos do ensino fundamental e médio, visita o museu o público em geral, onde participam de cursos de materiais reciclados e de cerâmicas, mini-cursos de orquídeas, palestras sobre museus, turismo, de preservação do Patrimônio e de educação Ambiental.

 

“Curso de Reconstituição de Cerâmicas Arqueológica” 

Ocorreu em 2005, 2007 e 2009, através de uma parceria entre o ECOSS, a Associação Dom Bosco de General Carneiro – MT e a Associação Arte Viva do São Gonçalo Beira Rio, Cuiabá. Este curso oferece conhecimentos arqueológicos, de modo a agregar valor  nas cerâmicas confeccionadas por estas ceramistas. Assim visando tanto à reconstituição pré-história e histórica, quanto o valor da reprodução como consciência patrimonial. Dessa forma, o público do Museu verá através deste curso não somente os fragmentos arqueológicos, mas a peça reconstituída na sua forma original.

.